Olimpiadas no Rio: eu tenho medo!

(observação= artigo escrito em , 8 Novembro, 2009,Domingo) Por Patricia Jacob* Bom, sei que sou uma das poucas "do contra" que não gostou da notícia do Rio 2016. De verdade isso me deixa azeda por vários motivos que não interessam muito aqui: a indignação em pensar porque agora -pra fazer bonito pra estrangeiro- surge verba [...]

Não sintam-se culpados!

Por Patricia Jacob* Muitos pais vêm comentar comigo sobre os artigos que escrevo. Percebo que eles chegam realmente agradecidos por algumas dicas e por fazê-los pensar mais em como ajudar melhor os filhos, mas algumas vezes também percebo uma pontinha de sentimento de culpa nos comentários, por eles muitas vezes não conseguirem seguir à risca [...]

Qualidade e quantidade de tempo

Por Patricia Jacob* Hoje gostaria de convidá-los a pensar sobre um grande dilema vivido pela maioria de nós: ninguém mais tem tempo para as crianças, mas as crianças demandam muito tempo. Demandam tempo para serem bem educadas e nutridas em suas necessidades emocionais. Os pais hoje em dia sofrem muito com o conflito "Trabalho versus [...]

Pra quê tamanha reação?

Por Patricia Jacob* Você já perceberam como a maioria dos pais tem a "mania" de ter reações extremadas com seus filhos em situações que alguém "de fora" -um tio ou amigo- não achariam tão grave (situação parecida nós, mulheres, vivemos quando achamos engraçadíssimo o marido da vizinha alcoolizado fazendo gracinha, mas quando é o nosso, [...]

Marido e mulher juntos na disciplina dos filhos

Por Patricia Jacob* Como vocês estão agindo, pai e mãe, na educação de seus filhos? Podemos dizer que estão mais para Marido E Mulher ou Marido X Mulher? Estão trabalhando juntos na educação de seus filhos como um "time", ou estão transmitindo mensagens conflitantes, não respeitando a opinião um do outro? Se estão mais para [...]

Bons pais também sentem raiva

Por Patricia Jacob* Quem nunca sentiu vontade de "fazer picadinho“ do filho quando aquele "pestinha“ teima em fazer exatamente o contrário do que você pediu? Somos meros seres humanos. E como seres humanos, sentir raiva de seus filhos ou de suas atitudes de vez em quando não torna ninguém um "mau“ pai, como todos se [...]

Expressando a raiva de modo responsável

Por Patricia Jacob* Encerrei o artigo anterior com a pergunta: "É possível controlar ações de raiva?". Agora respondo: SIM, porque a raiva é mais do que uma simples uma reação física. Antes da reação física, é necessário que haja um processo de pensamento, mesmo que este seja muito curto. É assim que funciona: nós vemos [...]

× WhatsApp